Evento especial da Billabong é realizado sempre no melhor dia do inverno de Portugal, e os surfistas, julgados pelos fãs, são avisados com 72 horas de antecedência sobre a data

A praia de Carcavelos, Cascais, vai voltar a receber uma das competições de surf mais aguardadas do ano. Em 2023, a 9ª edição do Capítulo Perfeito powered by Billabong volta a reunir alguns dos mais consagrados tube riders nacionais e internacionais em um dos melhores beach breaks do país, conhecido mundialmente pela qualidade das suas ondas. 

Line up de Carcavelos, palco do Capítulo Perfeito da Billabong, Foto Andre Carvalho / Divulgação.

Carcavelos será palco desta competição especial de tubos por mais dois anos, garantindo que o 10º aniversário do evento acontecerá em Cascais. O município reforça, assim, o seu lugar de destaque na história do Capítulo Perfeito powered by Billabong,  depois de já ter acolhido a prova quatro vezes no passado (em 2014, 2015, 2020 e 2022). 

O Presidente da Câmara Municipal de Cascais, Carlos Carreiras, revelou o entusiasmo por mais uma vez ser anfitrião de evento com tamanha espetacularidade das ondas e performances dos surfistas, atraindo milhares de fãs à praia e gerando dezenas de milhares de visualizações em todo o mundo. 

“Saudamos o regresso, uma vez mais, do Capítulo Perfeito a Cascais e à praia de Carcavelos, onde celebraremos o seu 10º aniversário”, começou por dizer o autarca. “O surf em Portugal nasceu neste concelho, acolhermos o Capítulo Perfeito mostra que para além das primeiras ondas surfadas, temos também os melhores tubos de todo o país. O nosso posicionamento externo também se faz pela afirmação de Cascais como palco de grandes eventos, sendo muito positivo para o país aproveitar o património do mar e as suas potencialidades. Faço votos para que todos os surfistas encontrem ondas perfeitas e proporcionem um grande espetáculo para a vastíssima tribo do surf de Cascais e para o público que nos acompanhará em todo o mundo”, concluiu. 

O organizador do evento, Rui Costa, destaca igualmente Carcavelos como um local de excelência para a realização do Capítulo Perfeito, relembrando o sucesso das edições anteriores. “Estamos muito felizes por permanecer no concelho de Cascais, que sempre nos acolheu tão bem. Carcavelos tem proporcionado as melhores condições de surf da história do evento, fazendo justiça aos surfistas, especialmente aos atletas estrangeiros que vêm de longe para disfrutar das melhores ondas que Portugal tem para oferecer e projetá-las a nível mundial.” 

Como nas edições anteriores, em breve, o público poderá votar virtualmente nos seus surfistas preferidos para entrarem na competição. Por enquanto, o primeiro e único atleta confirmado do Capítulo Perfeito powered by Billabong 2023 é Aritz Aranburu, a wild-card por ser o  campeão em título do evento (e vencedor da prova também em 2016).

“Será uma honra regressar ao Capítulo Perfeito como ex-campeão. Já venci este evento duas vezes e sinto-me preparado para mais uma edição. É sempre bom voltar aonde temos tão boas memórias. Nos últimos dois anos Carcavelos mostrou-nos que, se esperarmos pelo swell certo, teremos certamente muito boas ondas. Mal posso esperar para voltar a Portugal, disfrutar das suas pessoas e da sua comida e ter mais uma oportunidade de competir em ondas perfeitas”, declarou Aranburu. 

A votação pública terá lugar no início de janeiro, altura em que será revelada a lista de surfistas candidatos à 9ª edição do Capítulo Perfeito powered by Billabong. 

Vale ressaltar que este é um evento especial que tem como objetivo consagrar o melhor tube  rider entre atletas portugueses e estrangeiros, sendo a única competição de surf no  mundo cujos participantes são julgados pelos fãs.

O evento tem como premissa realizar-se no melhor dia do inverno português, contando com um período de espera de dois meses enquanto as previsões são monitorizadas por especialistas de forma a garantir que a competição ocorra em ondas tubulares e perfeitas.

Os surfistas escolhidos pelo público são notificados da realização da prova com apenas 72 horas de antecedência.