Home > Entrevistas > Gilvanilta: do sonho à realidade!

Gilvanilta: do sonho à realidade!

por | maio 26, 2016 | Entrevistas, Notícias, Surfe Feminino | 10 Comentários

Nesta semana, Gil assinou seu primeiro contrato de patrocínio com a estatal Furnas. A atleta, que aos 7 anos vendia coco na praia e já passou fome, hoje comemora a conquista de olho no circuito mundial de surf

Gilvanilta Ferreira tem 26 anos, nasceu e cresceu na comunidade de Ponta Negra, Natal. Surfista profissional há mais de 10 anos, a potiguar é dona de um estilo de surfe agressivo e repleto de manobras aéreas.

Sua inspiração vem das performances de Ítalo, Jadson, Medina e Silvana Lima. Há alguns dias Gil assinou seu primeiro contrato de patrocínio com a estatal Furnas. “Foi muito importante mesmo pra mim ter conseguido esse patrocínio. Inclusive tive uma proposta de morar no Rio, treinar e conviver com a Silvana, vai ser muito bom pro meu amadurecimento”

“Comprava a passagem de ida e só. Tinha que vencer de qualquer jeito senão não tinha como voltar pra casa.

Gil adianta que o novo patrocinador tem intenção de mandá-la para algumas etapas do QS (Qualifying Series), ainda esse ano. “Ainda não sei quais as datas e quais eventos vou participar. Vai ser irado! Estou muito feliz!” E completa, “Desejo que esse trabalho, que inicia em julho, possa perdurar até que eu consiga me classificar e entrar para o WCT.”

Até ontem era tudo diferente. Ela jamais teve uma marca que a apoiasse e mesmo assim participou de diversos circuitos estaduais em João Pessoa, Maracaípe e Fortaleza. “Comprava a passagem de ida e só. Tinha que vencer de qualquer jeito senão não tinha como voltar pra casa. Dormia no palanque do campeonato, comia biscoito e miojo”, relembra. “Colocava o troféu que tinha ganho na competição anterior debaixo do braço e saía em busca de apoio. As pessoas achavam graça e comentavam: olha só tão pequeninha, que bonitinha. E acabavam me dando um dinheiro, coisa de 20 reais”.

Se o patrocínio era um sonho até pouco tempo, o apoio de shapers de prancha nunca faltou. Alessandro Melo, Wendel Pirols e Felipe Souto, foram os caras que tentaram de alguma forma manter o sonho da potiguar vivo. Em vários momentos da vida, as pranchas serviram pra comprar comida. “Passei por fases muito complicadas e já sofri muito por isso. Hoje me sinto vitoriosa e tenho orgulho de tudo que enfrentei ao lado da minha mãe. Tinha dias que a gente sentava na mesa e ela dizia: hoje vamos comer camarão! Mas na panela o que tinha era feijão mesmo.”

Ontem Gil sonhava com a volta do circuito nacional de surfe feminino, hoje seu foco já é outro e vai muito além do nosso Atlântico.

Fique com um vídeo irado da Gil produzido pela Moana Filmes e uma galeria de fotos da atleta, que inclui imagem da sua primeira prancha.

https://vimeo.com/153166009

Sobre o autor

Origem Surf

Janaína Pedroso surfa há 21 anos. É formada em Comunicação Social/Jornalismo, com especialização em Roteiro para TV, Teatro e Cinema. Já atuou como apresentadora com passagens pela Globo, Band e CNT e como repórter para Editora Trip. Atualmente divide seu tempo entre a maternidade, o surfe, a produção de textos e à frente da empresa de comunicação Origem Press.

Postagens relacionadas
Onde assistir o ISA World Surfing Games 2024

Onde assistir o ISA World Surfing Games 2024

Saiba onde assistir ao ISA World Surfing Games que promete ser um dos eventos mais empolgantes do ano para os fãs do surf, reunindo os melhores atletas do mundo em uma competição que não só celebra o esporte, mas também oferece as últimas vagas para os Jogos Olímpicos...

ISA 2024: caminho para Olimpíadas e sustentabilidade em foco

ISA 2024: caminho para Olimpíadas e sustentabilidade em foco

Os Jogos Mundiais de Surf da ISA de 2024 prometem ser um marco no calendário esportivo global, reunindo os principais talentos do surf em busca de uma vaga nas Olimpíadas de Paris 2024. O evento, agendado para ocorrer de 23 de fevereiro a 3 de março, será realizado...

Mulheres brilham em condições clássicas no Hurley Pro Sunset Beach

Mulheres brilham em condições clássicas no Hurley Pro Sunset Beach

Ondas altas e performances belíssimas marcaram a estreia da categoria feminina no Hurley Pro Sunset Beach, a segunda etapa do calendário do Championship Tour (CT) da WSL. A líder do ranking, Caity Simmers, teve que se esforçar para se manter na competição. Com uma...

10 Comentários

  1. Pablo Oliveira

    Sucesso!
    Ela Merece muito!

    • OrigemSurf

      Boa Pablo!!

  2. CARLOS EUFRÁSIO - Natal/RN

    …PARABÉNS!!! À você, SUCESSO!!! Um forte abraço!

    • OrigemSurf

      isso aí Carlos! Obrigada pela msg, a Gil merece mesmo!!

  3. Jerônimo Vilar

    Que algumas lágrimas de tristeza do passado se tornem em sorrisos de agora em diante.

    • OrigemSurf

      Valeu Jerônimo. É isso! Tantos são, os surfistas que merecem uma oportunidade 😉

  4. Jailson Remigio

    Merece muito! Que DEUS continue a abençoar! AlohA #surfRN issaaaa

  5. jailsonremigio

    Muito merecido! Que DEUS continue abençoando essa guerreira.

    #surfrn na veia! Issaaaaaaaaa

    • OrigemSurf

      isssaaaaaa é isso aí Jailson!!! valeu!!Aloha

inscrição feita!

Pin It on Pinterest