Home > Sem categoria > Italo e Caity são os campeões do mundial de Saquarema

Italo e Caity são os campeões do mundial de Saquarema

por | jun 28, 2024 | Sem categoria | 0 Comentários

Italo Ferreira e Caity Simmers são os campeões da etapa mundial no Brasil, Vivo Rio Pro, apresentado por Corona. O evento que iniciou e finalizou nas ondas de Saquarema, contou com diferentes condições do mar. Apesar de ondas imperfeitas muitas vezes, ambos, Italo e Caity foram capazes de realizar excelentes performances para construir suas vitórias ao longo do mundial.

Bastante emocionados, os atletas relataram a experiência em competir no Rio de Janeiro, com uma das plateias mais barulhentas e calorosas do circuito mundial.

Na final masculina um duelo brasileiro com Italo e Yago. Enquanto a bateria fiminina da final do mundial em Saquarema foi com duas atletas da Califórnia, Sawyer e Caity.

Se para Italo, Yago ofereceu ameaça na final; caity não viveu a mesma experiência, uma vez que a oponente Sawyer não conseguiu impor seu surf conforme fez nas baterias anteriores. Especialimente quando desclassificou a brasileira Tatiana Weston-Webb.

italo caity campeões saquarema
Italo comemora a vitória em Saquarema. Foto Thiago Diz/World Surf League

Ambos recebem a premiação de 100 mil dólares e pontos no ranking. Italo, com a vitória no Rio de Janeiro, conquista posições no ranking que lhe asseguram uma chegada em Fiji com mais conforto.

Entretanto, segurança mesmo quem deve estar sentindo é Caity Simmers que garantiu vaga por antecipação na grande final em Trestles, independente de sua campanha na ilha de Tavarua.

Caity vence no Brasil. Foto Thiago Diz/World Surf League.

Ranking após Saquarema

A etapa em Saquarema é a penúltima e por isso bastente estratégica para os que lutam por uma vaga entre os cinco melhores do mundo. Isso porque com o formato de mata mata, a final em Trestles elenca somente os cinco melhores e zera a pontuação deles. Dando início a praticamente um novo “ranking”.

Por enquanto, quem lidera é John John Florence entre os homens e Caity Simmers entre as mulheres. Na vice liderança estão os norteamericanos Griffin Colapinto e Caroline Marks. Na terceira colocação aparecem Brisa Hennessy e Jack Robinson. Em seguida, na quarta posição está Italo que avançou três casas, e Molly Picklum. Na quinta e derradeira posição estão Gabriela Bryan e Ethan Ewing.

Sobre o autor

Origem Surf

Janaína Pedroso surfa há 21 anos. É formada em Comunicação Social/Jornalismo, com especialização em Roteiro para TV, Teatro e Cinema. Já atuou como apresentadora com passagens pela Globo, Band e CNT e como repórter para Editora Trip. Atualmente divide seu tempo entre a maternidade, o surfe, a produção de textos e à frente da empresa de comunicação Origem Press.

Postagens relacionadas
Ian Gouveia de volta ao CT

Ian Gouveia de volta ao CT

Ian Gouveia está garantido para o CT 2025, após vitória na África do Sul, 3ª etapa do Challenger Series. O circuito dá acesso ao Championship Tour, CT, da WSL, e determina quem voltará a brilhar na elite do surf mundial. Matematicamente, após vitória na África do Sul,...

Code red: ondas gigantes estão previstas para Teahupo´o

Code red: ondas gigantes estão previstas para Teahupo´o

Uma ondulação enorme está prevista para Teahupo´o, pico onde vai rolar o surf durante as Olimpíadas. Previsto para encostar no dia 10 de julho, a ondulação é nomeada "code red", código vermelho, para alertar que o que deve vir são ondas enormes, gigantes e...

Guia dos destinos de surf no Panamá: encontre as melhores ondas

Guia dos destinos de surf no Panamá: encontre as melhores ondas

O Panamá vem se consolidando como um destino ímpar para os amantes do surf, de aprendizes a experientes, devido a uma combinação de beleza natural, diversidade cultural e ondas excepcionais. Com vasto litoral, que recebe ondulações tanto do Oceano Pacífico quanto do...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

inscrição feita!

Pin It on Pinterest